IFTO: Conselho pedagógico de duas unidades suspende calendários letivos | Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins

Data da Publicação: 21 ago 2015
Hora da Publicação: 15:47
IFTO: Conselho pedagógico de duas unidades suspende calendários letivos
Autor: Comunicação

Duas unidades do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), por meio de seus conselhos pedagógicos, aprovaram a suspensão de calendários letivos 2015 em razão da greve dos servidores. No Campus Gurupi, foi suspenso o calendário dos cursos integrados ao ensino médio, na modalidade regular e Educação de Jovens e Adultos (EJA), e dos cursos técnicos subsequentes. A portaria 210/2015, de 18 de agosto, tem efeito retroativo à data 11 de agosto.

Já no Campus Porto Nacional, o conselho pedagógico da unidade deliberou pela suspensão do calendário referente aos cursos superiores e aos cursos técnicos presenciais. O conselho decidiu manter o calendário das atividades de pesquisa, extensão e colação de grau. A portaria 2018/2015, de 20 de agosto, tem efeito retroativo ao dia 6 de agosto.

Consup

No último dia 17, o Conselho Superior do IFTO, em reunião extraordinária, decidiu pela suspensão somente dos calendários anteriormente aprovados pelo Consup. Neste caso, ficaram suspensos os calendários dos campi Palmas e Gurupi. No caso de Gurupi, a suspensão se deu apenas ao calendário do curso superior. O conselho deliberou que as unidades em greve, que não tiveram calendário letivo aprovado no Consup e que fizessem a opção pela suspensão, poderiam decidir por meio do gestor da unidade e do conselho pedagógico.

Texto: Mayana Matos