Banco de Boas Práticas é estabelecido para combater evasão e retenção de alunos no IFTO | Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins

Data da Publicação: 3 ago 2016
Hora da Publicação: 14:11
Banco de Boas Práticas é estabelecido para combater evasão e retenção de alunos no IFTO
Autor: Comunicação

A Comissão de Permanência e Êxito de Estudantes do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), desenvolveu o projeto Banco de Boas Práticas, executado pela Diretoria de Assuntos Estudantis (DAE), junto à Pró-reitoria de Ensino (Proen) do IFTO.
O projeto consiste no conhecimento e divulgação de ações que visam à permanência e ao êxito de estudantes da instituição. A colaboração dos servidores de todos os campi, e da comunidade acadêmica é fundamental nesta ação, e para isso, a comissão estabeleceu o período de 4 a 26 de agosto, para envio das boas práticas já desenvolvidas nos campi e que ajudaram no combate à evasão e retenção de alunos. O endereço de e-mail para envio das ações é: capee@ifto.edu.br.
“Alunos, professores, técnicos, e líderes estudantis podem enviar qualquer ação que considerem pertinente aos nossos objetivos. Uma comissão técnica multiprofissional fará a avaliação de cada  uma das ações enviadas. O objetivo final é destacá-las e até mesmo implementar as melhores práticas em outros campi do IFTO, aumentando a abrangência da ação”, declarou Higor Lira, diretor de Assuntos Estudantis do Instituto.
As boas práticas enviadas dentro do prazo, serão as primeiras a serem divulgadas no lançamento do Banco, na página institucional do IFTO. Demais ações que forem enviadas após o dia 26, serão acrescentadas posteriormente. Confira o modelo de formulário para submissão na aba Boas Práticas.
Texto: Coordenação de Comunicação e Eventos – IFTO